Caminho das Índias foi escrita por Glória Perez e contava a difícil história de amor entre Maya (Juliana Paes) e Bahuan (Márcio Garcia). Impossibilitados de ficar juntos por ela pertencer a uma tradicional família da casta dos comerciantes indianos e ele ser um dalit, aqueles considerados impuros e condenados a não tocar, nem mesmo com sua sombra, um integrante das castas. Embora o sistema de castas já tenha sido banido por lei, ainda é muito presente pelos costumes indianos.

Para tentar impedir o romance impuro entre os dois, os pais de Maya escolhem um noivo para a filha, Raj Ananda (Rodrigo Lombardi). Enquanto os pais dela querem fazê-la esquecer o dalit, os pais de Raj querem fazê-lo esquecer da brasileira Duda (Tânia Khalil), uma firanghi, como é conhecida as mulheres estrangeiras na Índia.

Em Caminho das Índias, Murilo fez parte do núcleo de Duda, que é abandonada grávida pelo indiano e decide seguir com sua vida no Brasil. Murilo deu vida ao ciumento médico Lucas, que opera o filho de Duda e Raj, e acaba se apaixonando pela brasileira.

Duda engravida de Lucas, mas o médico exige um exame de DNA, pois desconfia que pode ser outro filho de Raj. Duda se nega a realizar o teste de paternidade e Lucas a abandona grávida e sozinha, pela segunda vez.
Ao final da novela, Lucas e Duda se reconciliam e ficam juntos. Raj termina sem saber que tinha um filho com a brasileira, já que ela decide esperar até o garoto crescer para deixá-lo decidir se quer ou não conhecer o pai biológico.

“Estou muito feliz com o papel. Há tempos queria fazer um papel contemporâneo. Lucas tem uma energia parecida com a minha.”

Murilo para a Revista Contigo, em 2009.